No último sábado, 4 de junho, exibimos mais uma vez o documentário “Criança, a alma do negócio”, da cineasta Estela Renner. Só que desta vez  teve gostinho especial! É que o filme, seguido de debate, integrou a programação da Virada Sustentável, um grande evento promovido pela prefeitura de São Paulo em parceria com diversas instituições.

O tema, claro, foi sustentabilidade. Como educar a criança para um consumo mais sustentável? Qual o papel da escola nessa questão? E o impacto dos apelos da publicidade? Essas foram algumas questões discutidas por Marcelo Furtado, diretor executivo do Greenpeace Brasil, e Rachel Biderman, do Centro de Estudos em Sustentabilidade da FGV.

O debate foi oportuno, já que no domingo, 5 de junho, comemorou-se o Dia Mundial do Meio Ambiente. Rachel Biderman afirmou que o problema do consumismo é global e que os apelos mercadológicos vão contra qualquer esforço para um consumo mais consciente e equilibrado.  “Temos que questionar essa constante manipulação da mente humana para o consumo”, disse ao tratar da publicidade.

Já Marcelo Furtado chamou a atenção para o poder transformador de cada cidadão. Para ele, é necessária uma ação conjunta para promover mudanças nos padrões de consumo de hoje. Ele acredita que o bom exemplo é muito importante na formação das crianças e, mesmo a escola tendo um papel fundamental na educação, não pode ser o único ator responsável por isso. “A responsabilidade deve e precisa ser compartilhada”, lembrou.

Rachel Biderman apresentou dados alarmantes da ONG New American Dream, dos EUA: naquele país, as crianças são bombardeadas com 100 comerciais por dia.

Aqui no Brasil, parece que essa realidade não está tão distante. Segundo levantamento do Criança e Consumo de outubro de 2010, às vésperas do Dia das Crianças, a programação infantil de 7 canais teve cerca de 350 publicidades diferentes, num total de aproximadamente 1.100 inserções comerciais. Na ocasião, foram monitoras 5 canais infantis da TV fechada (Discovery Kids, Cartoon, Disney XD, Nickelodeon, Boomerang) e 2 canais abertos (SBT e Globo).

O Criança e Consumo segue agora com a agenda de eventos de exibição do documentário, sempre seguida de debates com especialistas sobre os mais diversos assuntos. O próximo será em Porto Alegre, no dia 13 de julho. Nos vemos lá!

Porto Alegre - Livraria Cultura Bourbon Shopping Country
13/julho, quarta-feira, 19h
Com Domingos Sávio, Pedrinho Guareschi e Maria Regina Azambuja

Salvador – Livraria Cultura Shopping Salvador
27/julho, quarta-feira, 19h30
Palestrantes ainda não confirmados.

São Paulo – Faculdade Belas Artes
25/agosto, quinta-feira, 20h
Palestrantes ainda não confirmados.

 

Compartilhe :   

Comentários encerrados.