O governo dos Estados Unidos, país ícone do junk food, lançou essa semana uma série de diretrizes para restringir a publicidade de alimentos não saudáveis direcionada ao público infantil. Estabelecidas pelo FTC (Federal Trade Commission) e mais três órgãos do governo americano, as normas mandam um recado claro para a indústria alimentícia: façam produtos mais saudáveis ou deixem de anunciá-los para crianças. As diretrizes foram motivadas pelo alto índice de obesidade no país e o FTC citou a ligação clara ...