Após a publicação de nota na coluna da Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo de ontem, o parecer do Conar sobre denúncia feita ao McDonald's, que continha comentários e piadas ofensivas ao Instituto Alana, repercutiu na mídia e nas redes.Leia abaixo a íntegra da nota publicada na Folha:BRUXA O Conar, órgão que regula a publicidade, arquivou a denúncia do Instituto Alana contra comercial que o McDonald's exibia antes das sessões do filme "Rio". O parecer, assinado por Enio Basilio ...


“Vale a fantasia de trocarmos o nome Instituto por outro mais característico – a bruxa Alana, que odeia criancinhas”. Essa frase resume a falta de seriedade e de compromisso do Conar com a ética e com a sociedade brasileira. Ela consta no parecer do conselheiro Enio Basílio Rodrigues sobre denúncia que o Projeto Criança e Consumo fez à entidade contra uma campanha do McDonald’s durante o trailer da animação infantil “Rio”. A representação enviada ao Conar teve como base argumentos ...


Nesta terça-feira, 28 de julho, a coordenadora geral do Projeto Criança e Consumo, Isabella Henriques, palestrou no Kid & Tweens Power Brasil 2011, evento especialmente criado para discutir estratégias de marketing infantil, que acontece até o dia 30 em São Paulo.Muitos podem questionar o que fomos fazer lá, já que o trabalho do Criança e Consumo é contrário a apelos comerciais voltados diretamente aos pequenos. Mas para essas pessoas respondemos que foi uma oportunidade muito importante de falar diretamente com ...


Na próxima quinta-feira, dia 30 de junho, o Projeto Criança e Consumo do Instituto Alana, com o apoio do Sesc Pinheiros, realizará a primeira edição da Capacitação de Multiplicadores: Desafios e alternativas para o problema do consumismo na infância.Com intuito de conscientizar a população sobre os impactos negativos da publicidade na formação das crianças e adolescentes, o Projeto Criança e Consumo vem ampliando expressivamente suas ações para promover o debate e levar a todas as esferas da sociedade a discussão ...


Em maio, seis jornais dos Estados Unidos chegaram às bancas com o seguinte anúncio: uma carta aberta ao CEO do McDonald’s, Jim Skinner, assinada por 550 profissionais de saúde pedindo que a empresa parasse de direcionar seu marketing a crianças. Segundo a carta, os alimentos vendidos pela rede têm excesso de gorduras, sódio, açúcares e calorias, e, ao direcionar suas táticas de marketing a crianças, a lanchonete contribui para a epidemia mundial de obesidade infantil. Entre os pedidos, está o ...


Em 30 de maio de 2011 a Promotoria de Justiça de Defesa dos Interesses Difusos e Coletivos da Infância e Juventude de São Paulo instaurou um inquérito civil público para investigar a publicidade feita pela Fox relativa ao seu canal para crianças de 0 a 3 anos, o Baby TV. Esta iniciativa é fruto de uma denúncia do Projeto Criança e Consumo, feita ao Ministério Público em fevereiro de 2010. A abertura do inquérito também se baseou nos pareceres da ...


Mais do que simples anúncios. As empresas descobriram nas redes sociais uma fonte inesgotável de meios de influenciar crianças a ‘curtir’, comprar e até anunciar seus produtos. Esse foi um dos pontos mostrados em uma pesquisa realizada no Reino Unido que destacou a “comercialização e sexualização” da infância. Uma das recomendações propostas no estudo era “terminar o processo onde empresas pagam crianças para anunciar e promover produtos em escolas ou redes sociais”.Segundo o The Daily Telegraph, mais de 300 mil ...


A profissionalização da indústria da festa infantil vem sendo debatida bastante aqui no blog. São festas comemoradas em limosines, em spas... parece mesmo que as aniversários de criança perderam seu lado simples, onde o foco era a brincadeira e o passar tempo com os amigos.E é lógico que o mercado está lucrando com isso. Em matéria da semana passada da Folha de S. Paulo, fica claro que "o bufê infantil tem se mostrado uma boa oportunidade de negócio", segundo informa ...


No dia 18 de maio, mês em que se comemora o Dia das Mães, o Projeto Criança e Consumo promoveu um chat em seu perfil no Twitter. O tema era consumismo infantil e como lidar com os apelos comerciais direcionados às crianças. Durante uma hora, das 18h às 19h, pais, mães, educadores, psicólogos, publicitários e outras pessoas interessadas no tema fizeram perguntas e comentários. Como explicar para o meu filho sobre a necessidade ou não de comprar um produto? Não ...


Mais uma da Suri Cruise – ou melhor, dos pais da Suri Cruise! Na semana passada a Folha Online publicou matéria sobre a celebridade mirim mais comentada do mundo. Filha de Katie Holmes e Tom Cruise, Suri tem diariamente seus modelitos estampados em páginas de blogs, revistas e jornais e já foi até eleita uma das mulheres mais bem vestidas do mundo. A notícia dessa semana chocou muita gente porque dizia que a menina tem mais de 200 mil dólares ...


Um estudo recente do canal infantil por assinatura Discovery Kids mostrou que as crianças passam cada vez mais tempo dentro de casa, em frente a televisão, e que, nesses momentos é ela quem decide o que assiste na telinha. De acordo com a pesquisa, 57% das crianças possuem TV no quarto. Na hora de selecionar o conteúdo, 64% dos pais afirmam que é a criança quem decide ao que vai assistir e qual canal prefere. No Brasil, os pequenos passam ...


Bandeirinhas, barracas, fogueira, quadrilha e caipiras. Onde encontramos tudo isso? Nas festas juninas ou arraiás tradicionais em nosso país, claro! A festa junina é um momento muito bacana de nossa cultura popular, quando podemos comer comidas típicas como bolo de fubá, cocada e milho verde, além de aprendermos músicas tradicionais de forró. Quando eu era pequena, esperava ansiosamente pela festa junina de minha escola, não só porque era o dia de encerramento das aulas antes das férias de inverno, mas ...


Pesquisa Datafolha encomendada pelo Instituto Alana mostrou a preocupação dos pais com a publicidade de alimentos não saudáveis . O assunto foi abordado em reportagem do Jornal da Cultura, no dia 4 de junho.A pesquisa mostrou que, para 79% dos pais entrevistados, a publicidade de alimentos não saudáveis prejudica hábitos alimentares das crianças. Entre os entrevistados, 78% ainda afirmaram que os filhos pedem as comidas que veem nos anúncios.Para Isabella Henriques, coordenadora do Projeto Criança e Consumo, o estudo mostra ...


Condados e cidades norte-americanas, como Santa Clara e São Francisco deram o primeiro passo e recentemente proibiram a venda de lanches com brinquedos, em uma tentativa de proteger as crianças do consumo exagerado de alimentos altamente calóricos e pouco nutritivos. Agora chegou a vez de o Brasil ter uma iniciativa com essa. Belo Horizonte pode ser a primeira cidade brasileira a ter uma lei que regula a questão. A votação na assembléia legislativa da capital mineira ocorreu na última sexta-feira, ...


Em fevereiro, a rede de supermercados Walmart lançou a linha de cosméticos GeoGirl, direcionada para crianças entre 8 e 12 anos. Blush, rímel, batom, cremes em geral. Enfim, “tudo o que uma criança de oito anos precisa para estar alinhada às tendências da indústria da beleza.”O Walmart não está sozinho nessa empreitada para seduzir o público infantil...Nos últimos meses a discussão sobre erotização precoce tomou força depois de matérias publicadas em diferentes veículos comentavam sobre produtos de adultos lançados agora ...


Durante esses quatro últimos anos que trabalho no Projeto Criança e Consumo, especificamente na área de Educação, posso dizer que vi muitos avanços em relação à conscientização da sociedade civil, e aí incluem-se pais e educadores, sobre os impactos negativos da publicidade na formação saudável de nossas crianças. Um bom exemplo disso é o manifesto Publicidade Infantil Não, que já conta com quase 15 mil assinaturas e mais de 150 instituições apoiando. Mas, vi também muitos abusos serem cometidos no ...


No último sábado, 4 de junho, exibimos mais uma vez o documentário “Criança, a alma do negócio”, da cineasta Estela Renner. Só que desta vez teve gostinho especial! É que o filme, seguido de debate, integrou a programação da Virada Sustentável, um grande evento promovido pela prefeitura de São Paulo em parceria com diversas instituições.O tema, claro, foi sustentabilidade. Como educar a criança para um consumo mais sustentável? Qual o papel da escola nessa questão? E o impacto dos apelos ...


O Projeto Criança e Consumo encaminhou uma carta para o Fórum dos Leitores do jornal O Estado de S. Paulo, em resposta a uma matéria publicada em 31 de maio, em que a Associação Brasileira dos Anunciantes questiona a validade dos dados apresentados por pesquisa do Datafolha sobre publicidade dirigida ao público infantil. Leia a carta abaixo:Carta para Fórum dos Leitores – O Estado de S.PauloÉ no mínimo constrangedor que Rafael Sampaio, vice-presidente da Associação Brasileira dos Anunciantes (ABA), tente ...


Será que as meninas preferem mesmo a cor rosa? Isso é cultural ou existe alguma explicação de gênero por essa preferência ou tendência? No dia 11 de maio saiu uma reportagem no Estado sobre um documentário da BBC que, em conversas com pais, cientistas e profissionais ligados a indústria de brinquedo, tentava entender e estabelecer o porquê da preferência de meninas pela cor rosa. No entanto, os especialistas não conseguiram chegar a um consenso sobre essa preferência, porque os estudos ...


No início de 2009, o Projeto Criança e Consumo denunciou ao Procon a publicidade da promoção "Frasqueira da maquiagem Hello Kitty", das marcas Long Jump e Sanrio, feita nas Lojas Americanas.Além de dirigida ao público infantil, o que já pode ser considerado abusivo, a tal publicidade ainda era enganosa. Com frases do tipo “um acessório indispensável para as meninas fashions”, a campanha dava a entender que o produto poderia ser usado nas crianças.No entanto, na etiqueta – minúscula - constava ...


Há muito tempo a equipe do Projeto Criança e Consumo, do Instituto Alana, queria saber como os pais se sentem com tantos apelos comerciais bombardeando a vida de seus filhos pequenos. Em 2010, depois de fazer um levantamento cuidadoso de institutos de pesquisa que tivessem competência e seriedade para tocar um estudo sobre isso, contratamos o Datafolha para uma espécie de projeto piloto. Sabíamos da força da publicidade no cotidiano das famílias, até por estudos realizados em outros países, mas ...