Pasmem! A escola brasileira recebe hoje crianças que estão entre as que mais assistem a TV no mundo (uma média de 5 horas por dia, segundo os últimos dados do IBOPE). Crianças que são, incessantemente, convidadas pelas mídias, principalmente pela publicidade, a entrar cada vez mais cedo no mundo adulto do consumo. Crianças que acabam se distanciando de sua linguagem natural, que é o brincar.

Nesse contexto, a escola tem um enorme desafio: ser um espaço de referência na relação com o outro. Um espaço que tenha a responsabilidade de educar para a cidadania e no qual o brincar seja encarado como um direito e um contraponto necessário ao consumo exacerbado vivenciado pelas crianças.

Atualmente, a cultura do consumo leva nossas crianças a aprender mais com as telas do que com a família ou a escola. Qual será, então, o papel da educação e da escola nos tempos atuais? Esse será o tema do curso Consumismo na infância e o brincar: pólos que não se atraem, ministrado por mim e pela educadora Renata Meirelles a partir de março (com duração de dois meses) no CEVEC (Centro de Estudos Educacionais Vera Cruz). As inscrições e mais informações sobre o curso podem ser acessadas no site do CEVEC.

Compartilhe :   
  1. Fernando Colhado
    Fernando Colhado em Domingo 06 Fevereiro 2011 13:23
    O fato das empresas lançarem cada vez mais brinquedos, com efeitos atrativos para as crianças, tornam as crianças reféns do consumo, tirando-lhes o prazer de se divertir sem ter este tipo de preocupação em consumir os bens que estão na moda naquele momento!
  2. Equipe Projeto Criança e Consumo
    Equipe Projeto Criança e Consumo em Segunda-feira 07 Fevereiro 2011 19:41
    Olá Fernando, agradecemos a sua colaboração no nosso blog. Seguimos no debate. Um abraço!
  3. Gustavo
    Gustavo em Sábado 12 Fevereiro 2011 23:02
    Lógico, a escola não é em tempo integral. Eu também ficava assistindo 5 horas de TV. Tem que deixar a criançada o dia inteiro na escola!
  4. Equipe Projeto Criança e Consumo
    Equipe Projeto Criança e Consumo em Terça-feira 22 Fevereiro 2011 17:17
    Olá pessoal! Sobre a responsabilidade pela construção de uma infância saudável indicamos a leitura do post de hoje: http://consumismoeinfancia.com/2011/02/22/cesar-o-que-e-de-cesar/

    Agradecemos mais uma vez a colaboração de vocês com a discussão! Forte abraço!

Comentários encerrados.