Тag : autorregulamentação

O Conar divulgou essa semana seu novo parecer sobre o caso da campanha McLanche Feliz Rio. O caso havia sido reaberto após o Conar divulgar um primeiro parecer, extremamente ofensivo contra o Instituto Alana, em que o órgão chamava o Instituto de “bruxa” e minimizava o problema da obesidade infantil. Depois de muita comoção e repercussão na sociedade e na imprensa, o Conar reabriu a denúncia do Criança e Consumo para divulgar ontem – meses após a publicidade e o ...


Leia artigo do Criança e Consumo publicado na Caros AmigosTexto publicado no site da revista Caros Amigos fala sobre as discussões em torno da regulação da publicidade dirigida às crianças e sobre a ineficiência da autorregulação na proteção da infância frente às relações de consumo.As propostas de regulação da publicidade dirigida ao público infantil têm sido amplamente debatidas por representantes dos poderes Executivo e Legislativo junto com mercado, movimentos sociais e instituições que defendem os direitos das crianças frente às ...


O deputado Emiliano José (PT-BA) fez discurso ontem em Plenário, manifestando-se a favor do Instituto Alana e repudiando a atitude do CONAR. O deputado se coloca não só contra o arquivamento da denúncia do Instituto Alana - para ele, considerado um "equívoco" - mas também debate os argumentos explicitados no parecer do CONAR, que, a seu ver, foi "inaceitável". O político ainda relata sua falta de confiança na autorregulamentação: "não confio na possibilidade de a autorregulamentação ser suficiente para conter ...


A ANDI, Agência de Notícias dos Direitos da Infância, publicou em seu site no dia 30 de junho, em apoio ao Instituto Alana, uma matéria a respeito do parecer do CONAR sobre denúncia do Instituto Alana. O IDEC, Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor, e a PROTESTE também divulgaram textos em apoio ao Criança e Consumo. Leia os textos abaixo:Para Instituto Alana o CONAR extrapolou os limites da ética e do razoável - ANDINa última última segunda-feira, o Projeto Criança ...


Após a publicação de nota na coluna da Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo de ontem, o parecer do Conar sobre denúncia feita ao McDonald's, que continha comentários e piadas ofensivas ao Instituto Alana, repercutiu na mídia e nas redes.Leia abaixo a íntegra da nota publicada na Folha:BRUXA O Conar, órgão que regula a publicidade, arquivou a denúncia do Instituto Alana contra comercial que o McDonald's exibia antes das sessões do filme "Rio". O parecer, assinado por Enio Basilio ...


“Vale a fantasia de trocarmos o nome Instituto por outro mais característico – a bruxa Alana, que odeia criancinhas”. Essa frase resume a falta de seriedade e de compromisso do Conar com a ética e com a sociedade brasileira. Ela consta no parecer do conselheiro Enio Basílio Rodrigues sobre denúncia que o Projeto Criança e Consumo fez à entidade contra uma campanha do McDonald’s durante o trailer da animação infantil “Rio”. A representação enviada ao Conar teve como base argumentos ...


Na última terça-feira, 17 de maio, participamos de um seminário promovido pela Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) da Câmara dos Deputados em Brasília sobre o Projeto de Lei nº 5.921/2001, que propõe a regulação da publicidade infantil.Durante alguns meses, a tramitação desse PL ficou um pouco apagada, sem grandes repercussões na imprensa e no debate político. É muito bom que a proposta tenha voltado à pauta, causando reações de um lado e fortalecendo os movimentos que ...


Promoção do McLanche Feliz amplamente divulgada durante o trailer do desenho animado “Rio” foi denunciado ao Conar, mas saiu do ar sem manifestação conclusiva do órgão. A denúncia foi feita pelo Criança e Consumo no dia 14 de abril. O normal é que o Conar demore de 15 a 20 dias no máximo para julgar uma denúncia – processo ainda mais rápido em caso de liminar, que pressupõe agilidade e urgência. Com classificação indicativa livre, o filme “Rio” entrou em ...


O Programa InFormação, que já está em sua sexta edição, é uma iniciativa da Andi em parceria com o Projeto Criança e Consumo, para incentivar através de bolsas de estudo para pesquisa estudantes de graduação que tenham interesse em desenvolver Trabalhos de Conclusão de Curso (TCCs) sobre temas relacionados ao consumismo na infância. Como uma grande experiência multidisciplinar, o Programa tem funcionado como um importante termômetro que representa a preocupação de universitários de diversas regiões do país sobre a discussão ...


Nesta segunda-feira, 18 de abril, o jornal Valor Econômico divulgou um caderno especial sobre autorregulamentação em diversos setores econômicos, inclusive no âmbito da atividade publicitária. Esta é mais uma oportunidade de aprofundar um debate importante para a economia e toda a população brasileira. O Projeto Criança e Consumo, do Instituto Alana, é reconhecido por apoiar iniciativas dos Poderes Executivo e Legislativo que criam regras claras e limites para a comunicação mercadológica dirigida ao público infantil, considerado hipervulnerável por não compreender ...