Тag : responsabilidade dos pais

Em dezembro, o site da revista Caros Amigos publicou o artigo “Regulação da publicidade dirigida a crianças, um desejo para 2012”, da nossa coordenadora de Mobilização, Gabriela Vuolo.No texto, Gabriela fala do verdadeiro bombardeio de publicidade dirigida a crianças nas semanas que antecedem datas comemorativas, como o Natal, e sobre a parceria do Instituto Alana com o Observatório de Mídia da Universidade Federal do Espírito Santo, que está conduzindo um monitoramento quatro vezes ao ano justamente para medir a quantidade ...


As crianças do Reino Unido estão cada vez mais influenciadas por uma cultura materialista e não passam tempo suficiente com seus pais. Esses foram os dados apresentados em uma pesquisa do Ipsos MORI para a Unicef. Preocupada com o resultado, a Unicef está pressionando o governo inglês para pôr fim às publicidades de televisão dirigidas a crianças de até 12 anos, como forma de evitar que elas se sintam pressionadas a possuir bens materiais.Segundo o diretor executivo da organização, David ...


Faz um tempo que venho pensando sobre onde vamos parar com a crescente adultização da infância que tem sido anunciada pelos quatro cantos do mundo. São sutiãs com bojo sendo produzidos para meninas de 8 anos, saltos altos fabricados em tamanho menor que o 30, maquiagem sendo vendida e anunciada por crianças em seus blogs e até uma linha de produtos anti-envelhecimento.Esses dias, mais uma notícia me chocou e me deu esperança ao mesmo tempo. Li no Opera Mundi que ...


Já faz tempo que a televisão é conhecida por esse apelido, mas uma pesquisa recente feita na Grã-Bretanha reforçou o papel do aparelho. Segundo o estudo, divulgado no Brasil pela Veja, 78% dos pais entrevistados afirmaram que deixam seus filhos em frente à TV pelo menos duas horas ao dia e 66% desconhecem totalmente o conteúdo do que eles assistem. O resultado piora: 25% das mães reconhecem que o aparelho é utilizado como uma espécie de babá.Se lá os dados ...


Ontem, dia 7 de abril, foi realizado mais um evento promovido pelo Projeto Criança e Consumo, para estimular o debate sobre consumismo infantil e suas causas e consequências. Desta vez, a exibição do documentário “Criança, a Alma do Negócio” foi realizada no Cineclube Socioambiental Crisantempo, em São Paulo, seguida da discussão sobre o tema.Estela Renner, diretora do filme, e Tamara Gonçalves, advogada do Projeto, eram as convidadas do debate. Estela, publicitária, contou um pouco sobre como foi fazer o documentário, ...


O mundo vai de mal a pior mesmo. Ontem, 4 de abril, foi o último dia de desfile do Fashion Weekend Kids, que em sua 12ª edição atraiu mães e filhas fissuradas em grandes marcas. Nada contra o mercado de moda infantil, que certamente tem produções interessantes e muita coisa bacana para um público que precisa de peças confortáveis para correr, brincar, pular e se sujar sem medo de ser feliz. O problema é que temos visto outro tipo de ...


Embora as crianças - e os publicitários - tenham descoberto recentemente as novas mídias, como computares e telefones celulares, a TV continua sendo a grande disseminadora comercial, contando com investimentos em publicidade de mais de R$ 46 bilhões no Brasil em 2010 (61% do total investido). Expostos em frente à tela por horas, sem mediação adulta, a criança fica a mercê deste bombardeio de publicidade, no ar todos os dias. No Brasil, o tempo médio das crianças assistindo à TV ...


Art. 4º É dever da família, da comunidade, da sociedade em geral e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária. Citar o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) mais de 20 anos depois da sua aprovação deveria ser desnecessário... Mas não é. Pelo contrário, quando o ...


Caixa de sapato, avião, amarelinha, pega-pega, corda, pião. Desde o nascimento as crianças brincam, sendo o seu próprio corpo o objeto primeiro de investimento nas suas brincadeiras. Através de atividades lúdicas as crianças iniciam sua integração social, aprendendo não só a conviver com os outros, mas também a situar-se no mundo que as cercam. As crianças se expressam e se realizam através de suas brincadeiras. Ao brincar elas desenvolvem seu lado emocional e afetivo bem como muitas aptidões cognitivas. Suas ...


Já se sabe que as crianças podem se espelhar nos comportamentos de artistas ou em conteúdos que são veiculados na mídia. Em alguns casos, elas podem até ser estimuladas a assumir um comportamento não condizente com a pouca idade pelos próprios pais, que muitas vezes projetam sobre os pequenos algum tipo de desejo ou ideal próprio. O fato é que estas escolhas claramente não partem da criança. Quando a criança é convidada a assumir uma determinada fantasia, seja ela sugestionada ...


Página 1 de 2